Tatuagem e Turismo

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

Fazer uma tatuagem – ou várias – fornece uma ótima lembrança de uma viagem. Visitar lojas de tatuagem e de aprender sobre as pessoas que expandiram essa forma de arte, pode ser tão inspirador como visitar qualquer museu de arte. Dizem que as tatuagens tem 5.000 anos e são tão diversas quanto as pessoas que as têm.

Viajar a procura de tatuagens segue um rico legado de criadores de tendências. Há muitos lugares ainda que usam antigas tradições de tatuagens que podem inspirá-lo a viajar por um pedaço desta arte tradicional. Destinos conhecidos por seus rituais de tatuagens incluem o Tahiti, Havaí, Japão, Nova Zelândia, Bornéu, Tailândia e Samoa.

Se você faz uma tatuagem por moda, tradição ou comemoração, há muitas razões para buscar um artista que você admira. Muitas pessoas optam por viajar para uma conferência de tatuagem específica onde podem obter uma tatuagem feita por um artista de renome mundial, enquanto estão envoltos por tudo que diz respeito a tatuagem. (Há algum debate sobre se você tem um desconto numa convenção, pois a maioria dos artistas aumentam seus preços devido à demanda; porém os custos podem ser racionalizados, considerando que você provavelmente tem a tatuagem para a vida).

A cultura da tatuagem tem uma história rica entre bandidos, desajustados e viajantes. Bert Grimm, o “avô da velha escola”, tatuou Bonnie e Clyde, os famosos bandidos que viajaram pelos EUA com sua gangue durante a Grande Depressão. Não se sabe exatamente onde e quando Grimm tatuou o famoso par, mas a Bert Grimm’s World Famous Tattoo era o estúdio de tatuagem mais antigo operado nos EUA. Se você viajar pela costa do Pacífico é fascinante verificar locais que moldaram a indústria como a conhecemos hoje. Você pode ir ao Seaside, Oregon, onde está enterrado Grimm, ou você pode parar na loja que era administrada por ele, localizada em um parque de diversões chamado Nu Pike em Long Beach, Califórnia (A loja de tatuagem estava sob a ameaça pelo condomínio, mas foi comprada em 2004 pelo tatuador Kari Barba e dois sócios e ainda funciona como um estúdio de tatuagem hoje).

A popular exposição Skin & Bones: Tatuagens na Vida de Marinheiros Americanos, que aconteceu no Museu Seaport da Filadélfia, belamente ilustrou a jornada de tatuagens do Oriente para o Ocidente, a fusão dos contos de viagens e arte. Marinheiros não apenas transportavam cargas de porto em porto, mas também trouxeram novas formas de expressão artística na pele.

Então, quer misturar tatuagem e viagem? Aqui estão alguns locais interessantes:

Lista de convenções internacionais sobre tatuagem
• Tattoo Show de Cingapura
• Miami Expo Tattoo
• Nova Iorque AM-Jam Tattoo Expo
• Sydney Tattoo & Body Art Expo
• Festival de Arte Corporal de Moscou
• Festival de Tatuagem & Artes de Calgary (Canadá)

Uma pequena lista de tatuadores de renome internacional:
• Jean-Luc Navette, Lyon, França
• James Robinson, Nine, Brighton, Reino Unido
• Jonix, Holy Trauma, Barcelona, Espanha
• Tu, Siamese 5 Tattoo, Phuket, Tailândia
• William Yoneyama, Tattoo Magic, Melbourne, Austrália
• Lars, Loxodrom, Berlim, Alemanha
• Steve Moore, Get Moore Tattoos, Vancouver, Canadá
• Edward Frazier, Tattoo Ritual, Dearborn, Michigan
• David Glantz, Archive Tattoo, Toronto, Canadá

Outras grandes fontes de tatuagem para conferir:
tattooroadtrip.com – um site produzido por Bob Baxter, tatuador, escritor e historiador da tatuagem
vanishingtattoo.com – maior museu de tatuagem online do mundo

Via: Hospitality Times
Foto: Stock.xhng

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *